outubro 24, 2005

Não nos resignamos nem ficamos mud's*

Em reconhecimento ao voto de confiança professado pelo prof. Cavaco, a Assembleia Nacional congratula-se no respeito pela Constituição da República e reitera a confiança na sábia decisão do colégio eleitoral numa escolha que possa "contribuir para melhorar o clima de confiança, reforçar a credibilidade e vencer a situação difícil em que o país se encontra".
*citação do sr. general da comissão de honra.